domingo, 31 de maio de 2015

Exercícios de Aprendizado no Nado Crawl - 1

Exercícios de Aprendizado no Nado Crawl - 1

Exercícios de Repetição do Aprendizado Motor no Nado Crawl - Parte 1

Vindo a criança da “escolinha", vamos fazê-la nadar cada vez mais, para que ela automatize gestos que para serem bem coordenados, terão que se juntar à respiração, com exercícios diários, até seu completo domínio.

Desta forma, poderemos agir da seguinte maneira no aperfeiçoamento:

Ao recebermos as crianças aprovadas em aprendizado, nos reuniremos com elas, lhes diremos que serão futuros nadadores que defenderão a equipe do clube.

Voltaremos a alguns exercícios correspondentes ao aprendizado, para conseguirmos maior automatização.

Primeiro Dia de Exercício

1) Ginástica de flexibilidade e corrida - motivo: alegria, aquisição de endurance e flexibilidade.

2) M.C. (molha corpo) brincadeira na água, como por exemplo, o cavalo de guerra. Objetivo: contato com a água e readaptação. Alegria.

3) Respiração com batimentos de pernas, seguro no quebra ondas com correção objetivo: Trabalho de pernas partindo da articulação coxo-femural - coordenação

4) Em pé, na piscina, exercício de braço com respiração, caminhando ou não. Objetivo: Aprendizagem correta da braçada - coordenação.

5) Algum nado - com correção - de preferência em forma de jogo -alegria.

Segundo Exercício

1) Corrida e flexibilidade.

2) M.C. handebol aquático.

3) Batimento de pernas com respiração - correção.

4) Trabalho de braços correção - execução correta - pode ser utilizada qualquer forma.

5) Nadar 200 metros - ou 100 metros - ou menos.

6) Brincadeira - jogo 10 minutos.

Nota Quando dizemos 2° exercício ou 3° ou qualquer subsequente, estamos nos referindo ao nosso 2° ou 3° exemplo, mas não representa a continuidade exata do outro, pois não podemos nos comprometer com uma seqüência de uma equipe hipotética.

Terceiro Exercício

1) M.C. Nadar crawl durante 5 minutos

2) Batimento de pernas com respiração 10 minutos

3) Trabalho de braços crawl 10 minutos

4) Nadar 15 minutos crawl (pode haver parada, mas é preciso evitar o mais possível).

5) Brincadeiras e jogos - 5 minutos.

Nota: Embora não se fale mais, fica estabelecido que antes de cada trabalho deverá haver uma preparação física sob forma de jogo ou não, com corrida e flexibilidade.

Quarto Exercício

1) M.C. Nadar 200 metros com correção - crawl.

2) Educativos para batimentos de pernas

3) Batimento de pernas crawl - 200 metros

4) Trabalho de braços - 200 metros

5) Nadar 300 metros - crawl.

6) Jogos e brincadeiras - 5 minutos

Nota: Em todas as metragens o aluno pode parar.

Quinto Exercício

1) Explicação fora d'água sobre o nado de costas.

2) M.C. - Nadar crawl 300 metros

3) Trabalho de pernas crawl - 300 metros

4) Trabalho de braços crawl - 300 metros

5) Nadar crawl 300 metros

Nota: (A metragem que aqui colocamos, como toda a seqüência de exercícios, é hipotética, servindo como exemplo e nada mais).

Sexto Exercício

1) Afirmação do nado de costas fora d'água.

2) M.C. Flutuar de costas e aprender a pernada de costas.

3) Nadar o crawl 400 metros.

4) Perna crawl 400 metros

5) Braço crawl 400 metros

6) 8 x 50 metros nadando crawl com repouso à vontade

Sétimo Exercício

1) Aprendizado da braçada de costas fora d'água.

2) 5 minutos de pernas costas

3) 8 x 50 perna crawl com qualquer repouso

4) 400 braço crawl.

5) 6 x 25 nadando crawl com 25 segundos de repouso

6) Nadar 300 metros crawl.

Oitavo Exercício

1) M.C. Exercício de braços costas - dentro d'água.

2) 200 perna costas

3) 4 x 100 perna crawl com 15" de repouso entre cada exercício

4) 4 x 100 braço crawl com 30" de repouso

5) 4 x 100 nadando crawl com 30” de repouso

6) 300 metros nadando crawl.

Nota: Aqui convém notar que nos exemplos acima citados, vamos tirando o jogo como sendo característica do treinamento diário, utilizando-o apenas quando sentimos que nossos alunos não estão bastante motivados para nadar. Ainda podemos citar nesta mesma nota que, embora eles nadem devagar, o estabelecimento de um determinado repouso os introduzirá no Interval Training (Treinamento com intervalo). O intervalo fica a critério técnico.

A utilização do número, como por exemplo, 200 metros somente com pernas 300 com braços ou 400 nadando, é bom para que o aluno tenha noção de quantidade e sinta seu trabalho determinado e não indefinido. Também é útil o tempo por metro, como por exemplo, nadar 15 minutos. Neste caso, primeiramente, apenas nada, mais tarde passa a contar os metros durante o tempo de nado e bem mais tarde, nada o número de metros que corresponda ao tempo solicitado e marca o tempo para ver se melhora ou não.

Nono Exercício

1) Flexibilidade

2) Nadar 5 minutos de costas

3) 10 minutos de pernas costas

4) 10 minutos de braços costas

5) 300 perna crawl

6) 300 braço crawl

7) 10 x 50 nadando crawl com 20” de repouso

8) 200 nadando fácil

Décimo Exercício

1) Ginástica de flexibilidade

2) Aprendizado de pernas peito - fora d'água

3) 10 minutos de pernas costas

4) 300 pernas crawl

5) 10 minutos de braços costas

6) 400 braços crawl

7) 6 x 75 metros nadando crawl com 30” de repouso

8) 300 nadando crawl - fácil

Veja mais exercícios no tópico "Exercícios de Aprendizado no Nado Crawl - 2"

sábado, 30 de maio de 2015

O Programa de Aperfeiçoamento na Natação

O Programa de Aperfeiçoamento na Natação

O Programa de Aperfeiçoamento Geral na Natação

Para essa etapa, um professor conhecedor das técnicas de natação deverá ser contratado, pois, a criança veio de um aprendizado alegre e motivado, na esperança de tudo continuar dentro dos mesmos padrões, por isso o encarregado do aperfeiçoamento deverá ter condições suficientes de continuar

o que foi criado, dentro de um clima de maior responsabilidade, sem tolher as liberdades infantis dando-lhes noção que tudo que aprender o estará encaminhando para a equipe principal, do que deverá ter orgulho e vontade de participar, pois, além de se tornar um atleta, com vantagens, competições e passeios talvez a fama o esteja aguardando.

Este novo estágio, após período de adaptação oferecerá um programa que a criança deverá cumprir:

Programa Geral de Aperfeiçoamento

1) Repetição do aprendizado motor - nado crawl

2) Trabalho de pernas com prancha - crawl

3) Aperfeiçoamento da braçada do nado crawl

4) Aprendizado e repetições de saídas e viradas - crawl

5) Treinamento - repetição do nado.

6) Aprendizado do nado de costas

7) Trabalho de pernas costas

8) Trabalho de braços costas

9) Coordenação - saídas e viradas - costas

10) Treinamento - repetição dos 2 nados

11) Aprendizagem do nado de peito

12) Trabalho de pernas - peito

13) Trabalho de braços - peito

14) Coordenação - nado completo

15) Saídas e viradas

16) Treinamento - repetição dos 3 nados

17) Aprendizagem do nado borboleta

18) Trabalho de pernas golfinho

19) Trabalho de braços golfinho

20) Coordenação do nado - nado completo

21) Saídas e viradas

22) Treinamento - repetição dos 4 estilos

Convém dizermos que muitos aperfeiçoamentos são dados sem a atenção do técnico que deixa a criança por sua própria conta, com a filosofia que, quanto mais nadar, melhor aprende, sem levar em consideração que ela estará automatizando erros que talvez nunca possam ser corrigidos, e que evitará que futuro nadador chegue em sua melhor marca, além de correr o risco da desmotivação por não se sentir seguro.

Vamos exemplificar o trabalho do professor do aperfeiçoamento, sem ter a intenção de criar normas e leis que devam ser seguidas.

sexta-feira, 29 de maio de 2015

Natação - Regulamento de Testes de nivelamento

Natação - Regulamento de Testes de nivelamento

Regulamento de Testes de nivelamento na natação.

Apresentamos em seguida um teste para alunos que receberam aula de aprendizado para nos certificarmos de estarmos passando de aprendizagem para aperfeiçoamento, alguém que esteja em condições de receber novos trabalhos.

Regulamento:

1) O teste deve ser executado 2 a 2 ou 3 a 3 para maior motivação e terem todos os tempos marcados.

2) Durante o percurso serão anotadas as faltas.

3) As faltas consideradas não graves, por terem correção facilitada, serão marcadas com as letras (NG), antes ou depois da falta enunciada, é equivalente a perda de 0,5 ponto cada uma.

As faltas não podem ultrapassar a 50% delas ou, caso contrário, o aluno não será promovido.

4) Qualquer falta considerada grave não aprova o nadador para a equipe de aperfeiçoamento.

5) Os tempos de 25 metros não poderão ser superiores a:

25 livre = 25 segundos - 25 costa = 28 segundos - 25 peito = 30 segundos - 25 borboleta = 30 segundos.

Nota: Os tempos não são importantes globalmente, mas sim separadamente. Quem fizer o teste como sendo seu nado melhor o de costas, terá que se apresentar bem nesse estilo. Deixamos, entretanto, à critério do treinador, pois sabemos que o que apresentamos, que não passa de uma sugestão, criará uma enorme polêmica, que, na realidade, é o que interessa, da discussão nasce a luz.



quinta-feira, 28 de maio de 2015

Deveres dos Professores de Natação

Deveres dos Professores de Natação

Academia de Natação - Deveres dos Professores

São deveres dos professores da escola de aprendizado a nadar:

1) Sempre com trajes correspondentes;

2) Manter-se na água, só saindo dela por alguma necessidade, a julgamento do próprio professor.

3) Estar na piscina, pelo menos 15 minutos antes do início das aulas.

4) Manter a disciplina com brandura e firmeza.

5) Dar tudo de si, para que o desenvolvimento pedagógico seja o melhor possível.

6) Criar testes ou melhorar os existentes, bem como prêmios correspondentes para a mudança de categoria.

7) Não dar aula para grupos maiores que 10 (dez) alunos, mantendo uma lista de espera e formar novos grupos, para a contratação de um ou mais auxiliares.

8) Manter alegre a aula.

9) Evitar uso de voz alta, sem necessidade.

10) Ter um horário fora do período de aula para atender os pais.

11) Manter um bom relacionamento com os pais.

12) Expor no quadro de avisos uma relação constando os aniversariantes do mês.

13) Promover pequenas festas ou criar exposições de desenho ou algo congênere, para ressaltar datas especiais, como:

a) Ano Novo

b) Carnaval

c) Início das aulas

d) Semana Santa

e) Dia das Mães

f) Festas juninas

g) Dia dos Pais

h) Primavera

i) Dia do Atleta

j) Dia dos técnicos de natação

I) Dia dos Professores

m) Natal.

Isto significa apenas idéia, mas pode não ser nenhuma destas datas, ser apenas um dia sobre a natação ou campeonatos importantes ou qualquer data que sirva de meio de comunicação e interesse para as crianças como forma de estímulo. É preciso que haja uma entrega solene de prêmios que sejam alcançados pelos alunos, principalmente por ocasião da entrega do diploma que indica que eles aprenderam nadar, demonstrando que estão aptos para o aperfeiçoamento.

14) Cabe, principalmente aos professores, saber que está dirigindo as crianças para que aprendam nadar e gostem disso, a ponto de se dirigirem para o treinamento.

Desta forma, finalizamos o que podemos chamar de base para a construção de uma equipe, por isso, podemos desenvolver o tópico seguinte.

quarta-feira, 27 de maio de 2015

Academia de Natação - As turmas e horários

Academia de Natação - As turmas e horários

Academia de Natação - Planejamento das turmas e horários

2) Após a reunião com os pais, vamos admitir que, de acordo com a maioria, criamos os seguintes horários com a respectiva utilização da piscina e também das raias:

Tarde - Piscina de aprendizagem

das 6,00 às 7,00 adultos

das 7,00 às 8,00 de 13 anos em diante

das 8,00 às 9,00 de 8 a 12 anos

das 9,00 às 10,00 de 5 a 7 anos

das 10,00 às 11,00 até 4 anos

Piscina de Treinamento

das 7,00 às 10,00 - Equipes “A” e “B”

A equipe “A” (principal), ocupará as raias 4, 5 e 6, enquanto que a

“B” ocupará as raias 1, 2 e 3.

das 10,00 às 11,30 - Aperfeiçoamento

Tarde - Piscina de aprendizagem

das 14,00 às 15,00 - de 5 a 7 anos

das 15,00 às 16,00 - até 4 anos

das 16,00 às 17,00 - de 8 a 12 anos

das 17,00 às 18,00 - de 13 anos em diante

das 19,00 às 20,00 - adultos

das 20,00 às 21,00 - adultos

Piscina de Treinamento

das 14,00 às 16,00 - aperfeiçoamento

das 16,00 às 19,00 - equipes “A" e "B" - com a mesma utilização das raias. Os horários terão sempre um espaço de 10 minutos entre uma aula e outra para descanso dos professores.

terça-feira, 26 de maio de 2015

Academia de Natação - Provas de Nivelamento

Academia de Natação - Provas de Nivelamento

Criaremos níveis de ensino, com testes de aprovação, não só para termos um elemento de motivação como também executar as aulas com certa horizontalidade de habilidade.

Quando o(a) aluno(a) se inscreve, recebe uma targeta bordada que deverá ser colocada em seu calção ou maiô, representando um peixinho ou qualquer outra representação para identificar o primeiro estágio. Após o primeiro teste que representará flutuação e movimento de pernas (ou qualquer outro estágio, segundo a filosofia de quem cria), uma nova targeta lhe será consignada, desta vez representando um peixe maior. Nós nos dirigimos para mais um teste que comprovará sua capacidade de locomover-se na água com braços e pernas, e, então, lhe oferecemos um bordado de um peixe espada (ou qualquer outra representação). Mais um teste é realizado e nós comprovamos que sabe respirar e, com isto, coordenar os movimentos e uma targeta com um golfinho lhe é oferecida.

Afinal a criança sabe nadar, precisa apenas desenvolver uma metragem e cumprir um próximo teste de “X” distância que lhe dará a targeta de um tubarão. Agora, o último passo será dado para a criança tentar a última prova que será de uma determinada distância e tempo pré-estabelecidos, que lhe conferirá o bordado de uma baleia e também um diploma que poderá ser mais ou menos assim:

Diploma

Conferimos este diploma a fulano de tal por ter aprendido nadar

Centro de Treinamento - Local e Data

Professor


segunda-feira, 25 de maio de 2015

Academia de Natação - As Inscrições

Academia de Natação - As Inscrições

Academia de Natação - As Inscrições

Agiremos da seguinte forma: As inscrições ficam abertas na secretaria de esportes, com avisos pelo clube e serão aceitas em horários determinados com valor da matrícula estipulado visivelmente, bem como a mensalidade.

Os Horários serão distribuídos pelo dia todo, com faixas etárias reunidas de 2 em 2 anos, como por exemplo, 7-8 anos, 9-10, e assim por diante, além de podermos criar a aula para adultos, com finalidade lucrativa para o Departamento, ou simplesmente para agradar o associado que nos apoiará.

domingo, 24 de maio de 2015

Academia de Natação - A Direção Técnica

Academia de Natação - A Direção Técnica

Academia de Natação - A Direção Técnica

Neste comunicado nós utilizamos o computador ou mimeógrafo da secretaria e enviamos pelo cobrador do clube ou o colocamos em lugar de fácil acesso para ser apanhado pelo sócio, como por exemplo, na portaria, além de colocá-lo no quadro, de aviso e lugares estratégicos.

Após termos realizado as reuniões com as crianças e pais, dividiremos nosso trabalho e partimos para sua execução.

Como devemos agir?

Solicitamos ao clube a contratação de um professor para a Escola de Natação, cuja renda pagará o ministrante, possibilitará uma percentagem ao técnico principal, por sua orientação e responsabilidade, e, o restante, será

colocado em uma conta bancária em nome do Departamento de Natação (conta conjunta), para despesas de extras, como viagem, auxílio a atleta ou gastos imprevistos.

Armaremos então, o primeiro programa para a aprendizagem, com vistas à natação competitiva.

sábado, 23 de maio de 2015

Academia de Natação - A Captação de Alunos

Academia de Natação - A Captação de Alunos

Quais os primeiros passos?

Supondo que teríamos a piscina à nossa disposição, nos apresentaríamos nela em dois horários, para podermos nos encontrar com seus freqüentadores e interessados em aprender a nadar, aperfeiçoar o que conhece ou treinar, se for o caso.

Para que tenhamos certeza do comparecimento de crianças na piscina, faremos cartazes bem explícitos e chamando as pessoas para nosso encontro. Eles serão colocados em lugares estratégicos de modo a serem lidos pelos freqüentadores do clube.

Exemplos:

Venha aprender a nadar - temos professor esperando por você na Piscina. Dia Tal às tantas horas.

Alô, alô meninada, há no clube um técnico de natação que fará uma reunião dia tal às tantas horas, com quem desejar participar desse novo esporte - Na Piscina - Venham

Outros mais poderiam ser feitos, já com o material da secretaria, normógrafo e caneta para desenho, pelo micro computador já colocando também no quadro de avisos da secretaria de natação o primeiro cartaz.

Uma vez feito isso, passamos para uma segunda etapa de aliciamento de nadadores. Enviamos o nosso primeiro comunicado que seria mais ou menos assim

Centro de Treinamento de Natação C/3

Departamento Esportivo

Departamento de Natação

Comunicado 1/95

Caros pais:

Fulano de tal (nome do técnico), tendo sido contratado por esta agremiação para desenvolver um trabalho no setor de natação, vem solicitar a presença dos senhores em uma reunião de pais que realizaremos tal dia, às tantas horas, em tal lugar, para tratarmos de assuntos referentes ao esporte agora introduzido no clube. Será obedecida a seguinte pauta:

1) Apresentação.

2) Palavras do técnico explicando tudo sobre natação, o que faremos e onde pretendemos chegar.

3) Horários de acordo com os pais.

4) Direitos e deveres.

5) Palavra livre.

6) Encerramento.

0 Clube Lança Mais Trabalho Porque Acredita no Seu Sócio:

Esporte é Educação-Educação é a meta de todos nós, por isso temos certeza de sua presença pois nós precisamos de seu filho e seu filho precisa de você.

sexta-feira, 22 de maio de 2015

Academia de Natação - A Secretaria

Academia de Natação - A Secretaria

Que faremos primeiramente?

1) Criamos uma secretaria que pertença ao Departamento de Natação e vamos desde logo ter condições mínimas para nosso exercício.

Quais seriam elas?

Basta consultar atrás o trecho que fala de material, em todo caso, vamos dar uma idéia.

a) Uma mesa (escrivaninha).

b) Todo material normal de secretaria como lápis, caneta, papel, bloco para rascunho, memorandum, papel ofício, régua, borracha, normógrafos, cartolina, cola, precevejos, clips, furador, grampeador, enfim o que puder nos cercar para facilidade de serviço.

c) Um mimeógrafo é indispensável para comunicados.

d) Um quadro mural, flanelógrafo, ou coisa parecida para avisos e exposições do que necessitarmos.

e) Armários com pastas para arquivos.

f) Pequena farmácia.

g) Um quadro para recordes do clube.

h) Um computador (micro)

Isto nos satisfaria inicialmente.

quinta-feira, 21 de maio de 2015

Treinamento de Diminuição de Intervalo de Repouso

Treinamento de Diminuição de Intervalo de Repouso

Treinamento de Diminuição de Intervalo de Repouso- Seria o contrário do treinamento acima exposto.

Treino Quebrado (Broken) - Surgiu inicialmente com a intenção de ser aplicado em polimento e tinha também a finalidade de se conhecer o tempo aproximado da prova, realizando grande velocidade intercalada de repouso curto entre cada esforço e um longo repouso entre cada série e isto se tinha apenas como alcance de velocidade, hoje o consideramos também como manutenção de resistência e força.

Hoje, este treino, dadas as qualidades excepcionais de sua aplicação, é realizado durante todo o ano, com os mais variados objetivos. O maior deles é ritmo de competição:

1a ex.: 4 x 200 quebrado - com 10” de repouso entre cada 50 metros e 1’30” de descanço após cada 200 metros.

2a ex.: 4 x 200 a cada 5’, com 10" de repouso entre cada 50 metros. Para modificarmos seu objetivo, basta modificar o repouso entre as séries, ou o número de repetições. Podemos construir o treinamento com medley, 3, 2 ou apenas um estilo.

Treinamento de Passagem Negativa (Negative Spiit) - Este treinamento, além de ser o mais utilizado, é o mais importante, por sua eficácia em qualquer tipo de nadador, velocista, meio fundista ou especialista, já que pode valer como treinamento de qualidade, resistência, adaptação ao esforço e o principal, determinação de ritmo.

Sobre esforço, reallizando sempre, a segunda metade de qualquer distância melhor que a primeira.

Ex.: 10 x 100 passagem negativa, virando a primeira metade do nado em mais ou menos em 40 segundos e a segunda metade, melhor, com 20”

quarta-feira, 20 de maio de 2015

Treino de Série de Distâncias Variadas

Treino de Série de Distâncias Variadas

Ex.: 2 x 100 a cada 1’40”-2 x l00 a cada V45"-2 x 100 a cada 1’50”-2 x 100 a cada 2’00” - variantes: 2 x 100 com 80% de força com 10" de repouso-Idem com 85% de força com 20” de repouso- Idem com 90% de força com 40” de repouso- Idem com 95% de força com 1’de repouso- Podemos também manter força e aumentar o repouso de modo menor.

Treino de Série de Distâncias Variadas - Terá as características que desejarmos, aeróbicaou não. O principal objetivo é levar o nadador a experiência das distâncias, fazê-lo conhecedor de sua maior e melhor capacidade e descobrir sua preferência na metragem de trabalho. Ex.: - 2 x 25 à cada 30” - 2 x 50 à cada 60" - 2 x 75 à cada 1 ’30” - 2 x 100 à cada 2’00" ^(repetir 3 vezes).

Este treino pode ser aplicado com outras metragens, outros intervalos de repouso e outras repetições, ou qualquer outra combinação que tenha o mesmo objetivo, ou qualquer outro conforme a intenção do treinador.

terça-feira, 19 de maio de 2015

Montando uma proposta de Treinamento - Técnico

Montando uma proposta de Treinamento - Técnico

Depois de havermos visto os pontos essenciais para a existência de um treinamento, vamos agora ver como poderemos construir um e como dirigi-lo.

Como nós não sabemos que espécie de trabalho cairá em nossas mãos, vamos supor que nos dirigimos a um clube sem equipe formada, ficando a nosso critério sua criação.

O que mais atrapalha o treinamento de nossos técnicos é a pressão, não só porque o primeiro objetivo é agradar pais e diretores, como também querer ver logo seu nome despontando com o sucesso de seus nadadores. Assim, supondo que não temos pressa, quando contratados por uma entidade, com as características acima supostas, devemos oferecer seis anos de trabalho para obtermos um resultado eficiente.

Uma vez aceita nossa proposta de tempo e estando de acordo ambas as partes com as demais decorrências de contrato, partimos para o início de nossas funções.

segunda-feira, 18 de maio de 2015

Treinamento de Natação - Nas Dificuldades

Treinamento de Natação - Nas Dificuldades

s) Na Luta para Conseguir, Desanimamos?

Muitas vezes, a poucos minutos de uma aquisição, faltando, às vezes, mais um "empurrão", nós desistimos. Podemos citar o adágio popular: "O náufrago que desanima, morre na praia".

Desconhecemos o que se passa com as pessoas, solicitamos, às vezes, a alguém alguma coisa e, antes que possamos constatar qualquer negativa ou tentar "brigar" um pouco mais, nos afastamos da "luta", vencidos.

Em uma visita de Robert Saunders ao Trianon Club onde trabalhávamos, perguntou-nos:

"Como está nadando seu clube?" ao que contestamos: "Conseguimos alguma coisa, mas estamos desanimados, pois está cada vez mais difícil". Sorrindo, mas energicamente, observou: "Se você conseguiu um pouco, deve conseguir mais, nunca dê por ter minado o seu trabalho, mesmo que seja o melhor, procure aumentar e melhorar cada vez mais".

domingo, 17 de maio de 2015

Treinamento de Natação - A Queda de Rendimento

Treinamento de Natação - A Queda de Rendimento

r) Queda de Rendimento:

A atenção que requer o atleta em um dia, todos necessitam todos os dias e todas as horas. Às vezes não respondemos perguntas, não situamos pequenos problemas, falamos com voz "seca" demonstrando mais irritação que entusiamos, e colocamos em fuga nossos atletas. De uma forma ou de outra, com maior ou menor esforço, temos que manter sempre alta nossa capacidade de recepção e transmissão, para não haver queda no moral da equipe.

sábado, 16 de maio de 2015

Treinamento de Natação - A Firmeza

Treinamento de Natação - A Firmeza

q) Firmeza:

Nós amamos o que fazemos, gostamos de nossos atletas, veneramos o local de treinamento, e, por isso mesmo, não queremos que ele seja maculado, pretendemos que eles sejam bons e queremos perfeição no que realizamos, portanto, a firmeza de nossas atitudes deverá demonstrar nosso real interesse pelas pessoas e pelo trabalho, não importando quem, não deixando que a covardia se aposse de nós quando precisamos castigar o filho de um nosso chefe.

O que pensam a nosso respeito é importante, mas muito mais importante é o que nós pensamos de nós mesmos.

sexta-feira, 15 de maio de 2015

Treinamento de Natação - Problemas Pessoais

Treinamento de Natação - Problemas Pessoais

p) Problemas Pessoais:

Quantas vezes nos dirigimos para o treinamento com uma grande carga de preocupação, com desconforto físico, com problemas familiares, que se formos grandes de alma e coração, se formos o técnico que todos esperam, inclusive nós transformaremos nossa preocupação numa alegria, nosso desconforto num bálsamo capaz de nos fazer esquecer do que passamos pela vontade de oferecer o que de melhor possuímos para aqueles que nos aguardam com ansiedade.

Isto entretanto, é fácil de ser escrito, mas muito difícil de se realizar na prática, mas a tentativa será sempre válida.

quinta-feira, 14 de maio de 2015

Treinamento de Natação - As Críticas

Treinamento de Natação - As Críticas

o) Críticas:

Ouvir críticas, principalmente de valor desfavorável, não é fácil, é preciso que a pessoa seja dona de um espírito aberto, limpo, pronto para aceitar e corrigir.

Às vezes, críticas injustas por parte de nossos atletas ou de seus pais nos ferem profundamente, e é a hora que nós precisamos nos manter altaneiros mas com a defesa pronta, para que não caiamos em ridículo ou passemos por incapazes.

Saber ouvir, é um dom; saber defender-se, uma capacidade.

quarta-feira, 13 de maio de 2015

Treinamento de Natação - A Sociabilidade

Treinamento de Natação - A Sociabilidade

n) Sociabilidade:

As fichas dos atletas determinam seus aniversários, e nós temos que estar atentos para que haja conhecimento da equipe.

Se houver condição para se confeccionar um pequeno jornal interno, isto será de grande valia, mas senão, um quadro mural com o nome dos aniversariantes do mês é o bastante. Procurar realizar as festas de aniversário no convívio da equipe. Nos eventos que os componentes da natação se envolvem como ano novo, carnaval, natal, páscoa, festas juninas, dia do professor, e outras mais, é preciso que o técnico participe, de uma forma ou de outra, ou, quando menos, conversando com todos antes do treinamento e aludindo à data mas é importante eles estarem cientes que nós participamos de sua vida social.

Elogiar uma roupa, um calção novo, um cabelo bem penteado, uma aparência boa qualquer, os deixará sempre interessados em se apresentar bem aos nossos olhos.

terça-feira, 12 de maio de 2015

Treinamento de Natação - A Correção

Treinamento de Natação - A Correção

m) Correção:

É importante dizer aqui que não é o erro que deve ser evidenciado, mas sim oferecermos meios para que ele seja eliminado.

Isto entretanto, nem sempre anula a idéia de que o nadador precisa conhecer seu erro, e isto porque nós temos que dizer ao atleta que o exercício de correção é para determinado gesto imperfeito.

A maneira de se dirigir ao nadador, o modo de oferecer o exercício, demonstram a habilidade que o treinador tem para correção de erros.

segunda-feira, 11 de maio de 2015

Treinamento de Natação - Visão

Treinamento de Natação - Visão

I) Visão de Conjunto:

Observar um, dois ou alguns, é um trabalho até certo ponto fácil, mas quando se trata de uma piscina com as raias tomadas por várias categorias de

nadadores, é preciso que o técnico tenha uma boa visão de conjunto para saber quem está fazendo no tempo solicitado, quem não está com estilo correto ou quem não completou a metragem solicitada.

Para isto, só o tempo, o hábito diário, farão você ter uma larga visão do conjunto de nadadores.

domingo, 10 de maio de 2015

Treinamento de Natação - Senso de Humor

Treinamento de Natação - Senso de Humor

j) Senso de Humor:

Nós tivemos oportunidade de conhecer vários técnicos e entre eles o norte americano Robert Saunders, com quem passamos meses desfrutando sua companhia e de quem jamais ouvimos uma queixa com relação ao trabalho, nem mesmo de algum cansaço. Seu senso de humor estava diariamente pronto para receber as brincadeiras de seus atletas, as observações jocosas, os sorrisos, o barulho comum da equipe. É um homem dotado de uma grande simplicidade, de alto espírito humanitário, de uma grande dose de compreensão dos jovens e tudo isto o torna capaz de manter o senso de humor em nível ótimo e receber diariamente a equipe, como ela espera que ele esteja.

sábado, 9 de maio de 2015

Treinamento de Natação - Horas de Trabalho

Treinamento de Natação - Horas de Trabalho

i) Horas de Trabalho:

Quantas vezes ouvimos alguém dizer: "Ah, amanhã temos que trabalhar novamente!". Esta é uma frase comum que evidência o desamor que existe na pessoa em relação ao trabalho. Outros, se lamentam da seguinte forma: "Meu horário termina às 17 horas e já são 17:30”.

O que temos que dizer quanto a isto, se resume apenas no seguinte: O dinheiro é importante para todos nós mas não é a coisa mais importante e nós precisamos projetar a nossa imagem clara e limpa pelo que realizamos e se esta preocupação nos afeta, nós não chegaremos jamais onde pretendemos.

Muitos técnicos gastam horas seguidas após seu horário, às vezes, com um único nadador, mas para onde quer que vá, sua imagem de trabalho honesto o antecederá.

O técnico precisa se conscientizar que, como o médico, pode ser solicitado a qualquer hora e, pior que aquele, nada receberá em pecúnia o que tenha de valor, mas com toda certeza, terá, pela gratidão, através dos tempos, sua imagem de bom técnico.

sexta-feira, 8 de maio de 2015

Treinamento de Natação - A Motivação

Treinamento de Natação - A Motivação

h) Habilidade de Motivação:

A motivação é dosagem; é como um remédio, em pouca dosagem não produz efeito e em grande quantidade pode anular o benefício.

Às vezes nossa presença é motivação, porque somos alegres, porque externamos o nosso amor ao trabalho e ao próximo, porque procuramos realizar com exatidão e alegria nossa tarefa.

Um jogo, uma piada, um toque de mão, um presente, uma brincadeira, um sorriso, tudo isto e muitas coisas mais, podem representar um meio de motivação, mas nós precisamos conhecer com quem trabalhamos, para colocar a dosagem certa de motivação, para manter sempre alto o moral da equipe, para bons treinamentos, com vistas a excelentes resultados.

quinta-feira, 7 de maio de 2015

Treinamento de Natação - Pesquisa

Treinamento de Natação - Pesquisa

g) Espírito de Pesquisa:

Pela vida que levamos, sempre achamos mais fácil dizer: “Não temos tempo nem para ler um livro". Estamos errados. Temos que reservar uma hora no dia ou um dia na semana, ou no mês, já determinados para leitura, busca, pesquisa ou fatalmente cairemos na rotina torturante de um treinamento inoperante, insípido, ou inventaremos treinos que não corresponderão à equipe, ao atleta, à realidade da época.

É preciso aprender todos os dias e procurar saber mais para aplicar o melhor, e só um desenvolvido espírito de pesquisa nos levará a esta situação.

quarta-feira, 6 de maio de 2015

Treinamento de Natação - Admissão de Erros

Treinamento de Natação - Admissão de Erros

f) Admissão de Erros:

Nós ouvimos nos Estados Unidos frases que nos encheram a alma de alegria, pois nelas vinham, não apenas o reconhecimento de algo que o técnico tem de erro, mas sua mostra de humildade e compreensão. É a cultura que se mostra.

Dr. James E. Counsilman nos disse certa vez: "Se eu souber alguma coisa sobre o que estão me perguntando, terei grande prazer em ajudar".

George Haines, nas Olimpíadas do México, quando questionado o porque Mark Spitz, então recordista mundial, conseguiu apenas um oitavo lugar e uma apresentação muito aquém de suas possibilidades, lacônicamente respondeu: "O polimento não foi bem feito, nós não acertamos".

Em clínicas que nós tivemos a oportunidade de participar, todos os técnicos expositores falavam sobre seus erros e, enquanto nós os ouvíamos, nós os sentíamos crescer como técnicos do esporte.

A análise do certo e do errado é uma qualidade que o bom técnico tem e estará cada vez melhor, à medida que admite seus erros e procura encontrar o certo.

terça-feira, 5 de maio de 2015

Treinamento de Natação - O Entusiasmo

Treinamento de Natação - O Entusiasmo

e) Entusiasmo:

Nós nunca soubemos de uma equipe que trabalhe bem se seu técnico não tem entusiasmo suficiente. Todas as nossas situações emocionais são demasiadamente contagiantes, e, mais que qualquer outra, o entusiasmo, a alegria.

Assim sendo, sabendo do que somos capazes, temos que levar o treinamento todo com nossa completa crença, com todo nosso entusiasmo e teremos nossa equipe treinando forte pelo excitamento de que está possuída. É o entusiasmo do técnico.

segunda-feira, 4 de maio de 2015

Treinamento de Natação - A Imaginação

Treinamento de Natação - A Imaginação

d) Imaginação:

Conhecer o treinamento, é importante, ter imaginação para criar formas dentro dele para levar alegria a quem o executar, é uma maneira das mais corretas que pode agir um técnico para obter êxito.

Assim como alguém inventou as pranchas para o trabalho de pernas, os palmares para os braços e os "pull-buoys" para imobilização das pernas, talvez você tenha imaginação bastante para criar alguma coisa, algum exercício, jogo ou forma de treinamento que alegre os participantes e lhes dê satisfação de executar o trabalho previsto.

domingo, 3 de maio de 2015

Treinamento de Natação - A Capacidade de Adaptação

Treinamento de Natação - A Capacidade de Adaptação

c) Capacidade de Adaptação:

É muito comum o técnico repetir em um ano o trabalho que foi bom no anterior, esperando colher os mesmos frutos. Apenas nos enganamos no seguinte: todos mudaram, o meio está diferente e nós mesmo estamos. A repetição, além de ser monótona será inadequada para a nova situação.

Não é preciso apenas adotar novos métodos, mas ter a capacidade de criar outros estilos de trabalho, e, para isso, você precisa ler, se atualizar, adquirir conhecimento e adaptar seu treino à exigência da situação, e dos "novos" nadadores.

sábado, 2 de maio de 2015

Treinamento de Natação - A Organização

Treinamento de Natação - A Organização

b) Organização:

Nós tivemos contato com a fantástica organização realizada pelo técnico olímpico norte americano, GeorgeHaines, no Intemaíionaf Swimming Centerem Santa Clara, Califórnia, USA, oode ele comandava uma grande equipe de treinadores, para 350atletas, além de professores para as escolas de "Aprenda Nadar", e isto nos trouxe muito conhecimento.

Precisamos dividir nossa equipe segundo sua habilidade, inicialmente, depois, segundo sua faixa etária, dentro da maior aproximação possível.

Necessitamos de um fichário que controle seus dados pessoais, sua passagem de classe e idade, controle de treinamento, dados biométricos e médicos, dados morfo-fisiológicos, possibilidades de competição segundo o calendário que possuirmos e ao qual possa ser ele justado.

Exames médicos periódicos, controle escolar e direto contato com os pais. Não podemos nos afastar do médico, devemos estar em constante consulta quanto ao trabalho pretendido e o realizado.

Planejar treinos, conduzir competições, arranjos para viagens, meio para levantamento de fundo para o "team", conseguir equipamentos e tudo o que seja necessário na equipe de cada treinador responsável, ficando tudo sob orientação do técnico principal Esta é a grande qualidade de um treinador de natação.

sexta-feira, 1 de maio de 2015

Treinamento de Natação - Os Conhecimentos

Treinamento de Natação - Os Conhecimentos

Vamos discutir brevemente cada item:

a) Qual o grau de nosso conhecimento?

Aqui se tornaria necessário nos introduzirmos nos recantos das ciências pois, antes de qualquer coisa, precisamos conhecer o corpo humano e isto nos levaria à anatomia e fisiologia, além de estudos derivados. Teríamos indubitavelmente, de nos iniciarmos na Psicologia, para conhecermos atitudes, ações e reações que guiariam nossa conduta com os atletas.

Apesar do que acima enumeramos, temos grande necessidade de conhecer como planejar para uma temporada, o que cada treino pode provocar, que situações teremos que criar para cada um, enfim, que treinamento utilizamos dentro do ano de trabalho, com que divisão e que objetivos nos propomos e como chegar até eles.

Parece em uma rápida visão, conhecimentos fáceis e que a simples leitura de um livro nos levaria à sua aquisição, mas logo veremos que só o trabalho continuo de muitos anos, com uma pesquisa adequada, poderá nos tornar aptos para dizermos: "afinal começamos a aprender".